Herpes Zóster

herpes_zosterO Herpes Zóster uma doença que se manifesta com o aparecimento de lesões na pele, formando pequenas bolhas (vesículas) e a pele ficando avermelhada (eritematosa) e normalmente as lesões acompanham o trajeto de alguns nervos, formando, em grande número de vezes como se fosse um caminho, na pele do paciente.

Vejam na foto, um exemplo, observando que as lesões formam como se fosse uma faixa no tórax do paciente.

Antes do aparecimento das lesões na pele a região fica dolorida, podendo esta dor ser até intensa, ou às vezes o paciente tem a sensação de perda de sensibilidade no local.

Normalmente as vesículas se formam em até 24 horas e durante a evolução da doença podem se transformar em bolhas maiores e por volta do 7º ao 10º dia formam-se as crostas (casquinhas) que então persistem por algumas semanas.

O local mais comum de aparecimento destas lesões é no tórax, porém pode também afetar outras regiões como a região lombar e a cabeça.

Esta doença é causada por um vírus que se chama varicela-zóster, o mesmo vírus que causa a catapora.

O que acontece é que as pessoas que já tiveram catapora ficam com o vírus latente (como que “adormecido”) em alguns nervos do corpo, e quando, por um motivo qualquer, ocorre uma diminuição da resistência (imunidade celular) do indivíduo, estes vírus se reativam e provocam a doença chamada Herpes Zóster.

Podem ocorrer algumas complicações, sendo a mais comum a chamada neuralgia pós-herpética, que pode persistir por meses ou anos após o aparecimento da doença, provocando dor de intensidade variável e de difícil controle.

Não é comum na infância até os 2 anos.

Os principais objetivos no tratamento desta doença são o controle da dor aguda, controle de infecções secundárias e a prevenção e tratamento da chamada neurite pós-herpética, que é uma condição em que apesar da ausência de lesões visíveis o paciente apresenta dor local constante e de intensidade variável chegando a ser muito limitante.

Para prevenção desta doença, já existe disponível no Brasil a vacina herpes-zóster licenciada e usada regularmente nos Estados Unidos desde 2006. Tal vacina ainda não está disponível na rede pública, podendo ser encontrada somente na rede privada.

Esta vacina é semelhante à vacina da catapora, porém tem uma potência aproximadamente 14 vezes maior.

A vacina está indicada para indivíduos a partir de 50 anos de idade e que não estejam imunocomprometidos.

A vacina tem a função de prevenir o aparecimento da doença Herpes-Zóster ou na redução da dor aguda e crônica que podem surgir em decorrência da doença.

A vacina não está indicada para tratamento da doença. É recomendável que se aguarde de seis a doze meses após o episódio de herpes-zóster para se fazer a vacina para que se possa obter um bom resultado de imunização.

Já se comprovou que a vacina é segura e bem tolerada, sendo que as reações mais comuns são dor, vermelhidão e coceira no local da aplicação, que são de baixa intensidade e curta duração.

A LABENE Clínica e Vacinas já tem esta vacina disponível.

×
Ola, o que podemos ajudar?